Família de veranense que amputou as duas pernas pede contribuições

As despesas com as internações são altas e as doações serão destinadas ao custeio desses valores

Em momentos difíceis, a solidariedade é uma grande aliada das pessoas para a superação das adversidades. Nilva Tessaro, de 67 anos, é uma veranense que sofre com alguns problemas de saúde, exigindo cuidados especiais.

Em 2007, Nilva sofreu um infarto, usou marca-passo, e até quebrou os dois braços. Ela é acometida por diabetes e há quatro anos recebeu a notícia que precisaria amputar uma das pernas. O procedimento foi adiado o máximo possível. Nos últimos meses, a situação se agravou, sendo necessária a amputação das duas pernas, que ocorreu nos últimos 50 dias.

A filha, Patrícia Anzolin Tessaro, conta que as seguidas internações da mãe geram custos, e as despesas com as internações são altas, indo desde medicamentos até os cuidadores no hospital. Por essa razão, ela está promovendo uma vakinha para conseguir custear esse valor.

“Em tão pouco tempo o pessoal se mobilizou, entendeu a causa e se dispôs a ajudar. Estamos muito agradecidos”, afirma.

Para quem quiser colaborar, a vaquinha pode ser acessada clicando aqui e as opções para contribuir são diversas, por pix, boleto ou cartão. Patrícia, ainda, destaca que os valores doados serão usados para pagar as despesas e garantir conforto para Nilva.