Quais serão os impactos da revitalização da Júlio?

Matéria exclusiva da versão impressa do Jornal O Estafeta dessa semana

Desde 2019, a expectativa dos veranenses a partir da proposta do Poder Público de revitalizar uma das principais vias de Veranópolis só aumenta. A rua, popularizada como Avenida Júlio de Castilhos, é a que conduz os visitantes que chegam no município, do pórtico até o coração da cidade, a Igreja Matriz. O projeto começou a ser encaminhado no início daquele ano e foi paralisado em função da pandemia. Neste ano, a expectativa é tirá-lo do papel e sabe-se que uma obra desse porte impactará de inúmeras formas o dia a dia dos veranenses, que poderão ver a cidade se renovar sem perder sua essência.

Neste momento, o projeto está em período de licitação para a definição da empresa que assumirá a responsabilidade da obra. Uma das principais etapas do processo, que definirá verdadeiramente os rumos da execução.

Dessa forma, muitas são as dúvidas que surgem em relação a viabilização do projeto e da mesma forma, muitas são as opiniões e manifestações que surgem a partir da proposta de idealizá-lo neste momento. Mas como estão os trâmites do processo? Quais serão as principais mudanças envolvidas? E, afinal, de que forma a comunidade será impactada com a revitalização da Julio? Esses são os anseios que tomaram conta da população nos últimos dias.

Quer saber mais sobre esse assunto?

– Quais as principais mudanças?
– O que os comerciantes dizem sobre as obras?
– Que exemplo outras cidades proporcionaram para esta revitalização?
– Qual a recepção e impactos para a comunidade?
– Resultado da enquete nas redes sociais.

Então leia a reportagem exclusiva e completa na versão impressa do Jornal O Estafeta que circula pela região nesta quarta-feira, dia 28.

Adquira seu exemplar nas bancas, entre elas:

– Frassul

– Frutimar

– Farmácia Vêneto

– Santa Clara

– Mercado Medianeira

Ou ligue no 3441.4767 ou chame no Whats 99653.4848 que levamos o jornal até você.