Vacinação de profissionais da segurança pública atinge meta estabelecida no RS

As secretarias da Segurança Pública (SSP) e da Administração Penitenciária (Seapen) informam que atingiram a meta estabelecida para vacinação de seus servidores

As secretarias da Segurança Pública (SSP) e da Administração Penitenciária (Seapen) informam que atingiram a meta estabelecida para vacinação de seus servidores contra a covid-19. Ainda assim, faltam ser imunizados alguns profissionais, como gestantes, pessoas em férias ou que esperam terminar o prazo após contaminação pelo coronavírus — há também outros que não receberão as doses por contraindicação médica.

Dos 30.270 profissionais de Brigada Militar, Polícia Civil, Bombeiros, Instituto-Geral de Perícias (IGP) e agentes penitenciários, 88,62% já receberam a primeira dose.

Da SSP, 936 funcionários não serão vacinados devido a determinação de médicos e 1.156 estão sendo imunizados aos poucos porque estavam impedidos temporariamente. Da Seapen, faltam ainda 1.350 por diversos motivos.

A BM tem o maior número de vacinados por ter também o maior quadro, mas a Polícia Civil foi a instituição que mais chegou perto dos 100% do efetivo imunizado.

Polícia Civil

A Polícia Civil é a instituição que mais vacinou proporcionalmente ao número de integrantes, chegando a 95,31% do quadro. Ao todo, 4.905 policiais, de um total de 5.146, foram imunizados. Os funcionários públicos que tinham alguma pendência já foram atendidos e 241 não irão se vacinar.

Brigada Militar

Em relação à BM, que tem o maior efetivo da área da segurança, chegando a 15.808 policiais, 14.345 já receberam a primeira dose, ou seja, 90,74% da tropa. Outros 398 não serão imunizados e ainda está pendente a vacinação para 1.065 — que fazem parte da janela de infecção pela covid-19, férias, gestantes, entre outros.

Bombeiros

O Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul já imunizou 2.803 servidores de um efetivo total de 3.136. A meta já foi atingida e atualmente 89,38% do quadro está vacinado. Faltam apenas 37 pessoas, mas que não estavam na programação inicial devido a vários fatores. Outras 296 têm contraindicação médica.

IGP

O IGP já atingiu 94,82% do quadro total de 1.063 profissionais. Com isso, já receberam a primeira dose contra o coronavírus 1.008 pessoas. Apenas um servidor não será vacinado e 54 estão pendentes pelos mesmos motivos dos brigadianos e bombeiros que estão sendo imunizados aos poucos.

Agentes penitenciários

Já foram vacinados 3.767 agentes da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe), que integra a Seapen, e todos doaram alimentos no momento em que receberam a primeira dose, totalizando cerca de duas toneladas doadas na sexta-feira (23) ao Banco de Alimentos do Rio Grande do Sul. A meta programada já foi atingida, chegando a 73,61%, mas ainda faltam ser imunizados 1.350 pessoas que estavam impedidas por motivos diversos. O quadro total é de 5.117 agentes. A Seapen informa ainda que estão sendo vacinados apenas os agentes que atuam na linha de frente.

Fonte GZH