Estágiario de escritório de advocacia é preso suspeito de fraudar documentos em Farroupilha

Um estagiário de um escritório de advocacia, de 20 anos, foi preso na região do bairro Imigrante, em Farroupilha, na

Um estagiário de um escritório de advocacia, de 20 anos, foi preso na região do bairro Imigrante, em Farroupilha, na manhã desta segunda-feira (21), pela Polícia Civil. A prisão ocorreu devido a suspeita de falsificação de documentos, falsidade ideológica e fraude processual por parte do funcionário.

Conforme a polícia, a investigação apontou que ele utilizava as senhas de acessos do advogado titular para peticionar em processos judicias. Durante a investigação apurou-se indícios de que o suspeito tenha falsificado, ao menos, dois atestados médicos e juntando-os aos autos de processos criminais pleiteando a liberdade provisória dos réus.

Um dos atestados foi juntado aos autos de um habeas corpus impetrado junto ao TJRS, cujo processo de origem é da Comarca de Farroupilha e outro perante a Vara Criminal de Farroupilha. Em um destes processos, consta indícios de falsidade ideológica na inserção de informações a respeito da origem dos atestados médicos.

Além dos processos criminais, apurou-se indícios de falsificações documentais e ideológicas em outros três processos, em trâmite na Comarca de Farroupilha.

Além disso, na Delegacia de Polícia, tramitam outros três processos que apuram supostos delitos praticados pelo suspeito, e durante as investigações verificou-se que o suspeito apresentava documentos falsos ou com conteúdos falsos nos autos dos inquéritos.

Com as suaspeitas, a polícia solicitou junto ao Poder Judiciário pela prisão preventiva do jovem. O mandado de busca e apreensão foi cumprido nesta manhã e além da prisão foram apreendidos um computador, celular e equipamentos que serão analisados.

fonte: Leouve