Moradores da Linha Alcântara pedem revitalização de pavimentação que liga Bento a Cotiporã

A estrada que liga Bento Gonçalves e Cotiporã, havia recebido a pavimentação asfáltica

Poucos dias antes das fortes chuvas atingirem famílias do interior de Bento Gonçalves, na Linha Alcântara, e municípios do Vale do Taquari, como Santa Tereza, a ERS-431, estrada que liga Bento Gonçalves e Cotiporã, havia recebido a pavimentação asfáltica. Com a enchente, a via ficou destruída e alguns trechos voltaram a ser estrada de chão.
Os moradores salientaram que a recapagem foi cobrada no governo anterior, mas até o momento, a prefeitura não sinalizou nenhum início de obra. “Estamos sofrendo ainda mais, porque faz mais pó do que antes. Quando chega a safra da uva é um caminhão atrás do outro. Nos finais de semana, é quase um ponto turístico”, reitera Rosália Alves da Rosa, 57 anos, que mora há 16 na localidade.
Conforme a diretora-adjunta do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano (IPURB), Melissa Bertoletti, o novo processo licitatório para o muro de contenção e pavimentação do trecho está em andamento. “Houve a demora, pois o novo projeto teve de ser encaminhado para a Caixa Econômica Federal para liberação do recurso”, esclarece.
Fonte: Jornal Semanário