Pedreiro é morto a tiros após desentendimento com colega de trabalho

Caso ocorrido no bairro Neópolis é investigado pela Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DPHPP) Um outro

Caso ocorrido no bairro Neópolis é investigado pela Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DPHPP)

Um outro desentendimento entre colegas de trabalho, que resultou também em morte, é investigado pela Polícia Civil na Região Metropolitana de Porto Alegre. A Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DPHPP) de Gravataí, sob comando do delegado Daniel Queiroz, apura o caso de uma desavença entre dois pedreiros envolvidos na construção de uma casa no interior de um condomínio residencial na rua Paraná, no bairro Neópolis. O crime ocorreu no final da tarde dessa segunda-feira.

A vítima, de 44 anos, foi baleada e morta a tiros por um colega dentro do canteiro da obra. O acusado fugiu do local em uma moto de cor preta e não foi mais localizado. Acionados, os policiais militares do 17º BPM compareceram no local, que foi isolado para o trabalho do Instituto-Geral de Perícias (IGP).

Segundo o delegado Daniel Queiroz, a investigação sobre o crime está na fase de “tentar identificar o autor”. De acordo com o titular da DPHPP de Gravataí, a oitiva de testemunhas foi realizada na manhã desta terça-feira.