Pardais da BR-470 serão avaliados, após reclamações, em Bento Gonçalves

Instalados no final do ano passado, os controladores de velocidade da BR-470, na altura do km 217, sentido Bento Gonçalves

Instalados no final do ano passado, os controladores de velocidade da BR-470, na altura do km 217, sentido Bento Gonçalves – Veranópolis, têm causado transtornos para alguns motoristas. Diversos condutores que trafegam pelo local afirmam que, mesmo passando abaixo da velocidade limite de 60 km/h, ainda assim são autuados.

Em uma das denúncias recebidas pela reportagem do Grupo RSCOM, um condutor afirma que já foi multado mais de uma vez, mesmo utilizando o controlador de velocidade do seu veículo. Outro relata que recebeu mais de dez autuações do ponto de fiscalização instalado no km 217,71.

Algumas pessoas acreditam que o pardal está mal posicionado. Ele foi instalado antes da curva de subida, e não antes do retorno ali existente. Desta forma, os condutores que dirigem no sentido Bento – Veranópolis não reduzem a velocidade no ponto que auxiliaria na travessia dos veículos que desejam mudar o sentido.

Por conta disso, a equipe de jornalismo entrou em contato com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). O órgão respondeu através de nota, afirmando que:

“(…) o DNIT informa que todos os equipamentos são aferidos pelo INMETRO. O funcionamento é monitorado e, ao indício de qualquer comportamento anômalo, é feita auditoria nos dados coletados e infrações. Caso seja constatada falha, qualquer autolavrado é passível de cancelamento. Informamos ainda que, dado o presente relato, a empresa responsável por este equipamento foi acionada para realização de auditoria in loco e identificação de eventual comportamento anômalo.”

Com isso, espera-se que, caso alguma anomalia no funcionamento seja confirmada, os condutores possam entrar em contato com o DNIT para buscar o cancelamento das multas.

 

Fonte: Portal Leouve