Falta de chuvas e nível baixo no reservatório alerta o município para possível racionamento de água

Devido a uma baixa precipitação de chuvas no mês de abril, toda a região da Serra tem ficado em estado

Devido a uma baixa precipitação de chuvas no mês de abril, toda a região da Serra tem ficado em estado de alerta em toda a Serra Gaúcha. Por conta disso, o nível de água do arroio Retiro tem preocupado a Corsan.

 

De acordo com o gerente do órgão, a população não deve associar esta redução com as suspensões que ocorreram recentemente. “Realizamos a lavagem dos reservatórios, passamos por algumas manutenções programadas, e a suspensão também pode ocorrer por uma manutenção de urgência, quando ocorre algum rompimento de tubulação, às vezes em virtude de alguma obra, ou outros problemas, troca de válvula de pressão, registros. São coisas muito esporádicas que ocorrem e não são em virtude do manancial”, relata Dilnei Duarte.

 

Ele esclarece que o fato deixa a equipe sob alerta, e que algumas medidas de prevenção já serão iniciadas.

 

“Uma das primeiras medidas é solicitar que a população faça um consumo mais consciente nesse período, até que volte a chover de forma mais substancial, com volumes maiores. Enquanto isso, nós tomaremos outras medidas de precaução, como mudar o ponto de captação no arroio Retiro e também visualizar outras possibilidades, caso seja necessário. Mas neste momento, é só um nível de alerta, nada crítico ou preocupante”, conclui.