Grêmio leva gol no fim e estreia com derrota para o Ceará no Brasileirão

O Grêmio perdeu para o Ceará por 3 a 2, neste domingo, no Castelão, na estreia das duas equipes no

O Grêmio perdeu para o Ceará por 3 a 2, neste domingo, no Castelão, na estreia das duas equipes no Brasileirão. Após sair perdendo por 2 a 0, Vanderson e Ricardinho empataram, mas, nos acréscimos, os cearenses marcaram e decretaram a derrota do Tricolor.

Com Tiago Nunes e mais seis jogadores com Covid-19, o Grêmio bastante desfalcado e comandado pelo auxiliar Evandro Fornari, teve um primeiro tempo ruim. Sofreu dois gols, mas Vanderson descontou com um golaço nos acréscimos. Na volta para o segundo tempo, com três alterações, a equipe apresentou novo ânimo e empatou aos três minutos com Ricardinho. Só que o castigo veio aos 49 minutos. Jorginho voltou a colocar o time da casa na frente do placar.

Na quarta-feira, o Grêmio recebe na Arena o Brasiliense, às 16h30min, no primeiro jogo da terceira fase da Copa do Brasil. No próximo domingo, também em Porto Alegre, o Tricolor enfrentará o Santa Cruz, na partida única que definirá o campeão da Recopa Gaúcha 2021. O horário do jogo que reúne o campeão gaúcho e o campeão da Copa da Federação Gaúcha de Futebol ainda não foi definido.

Ceará marca dois e Vanderson diminui com um golaço

Mesmo com os desfalques, o Grêmio iniciou mantendo a posse de bola e pressionando os donos da casa. Aos 16 minutos, Léo Chú ganhou do adversário na força, foi à linha de fundo e cruzou rasteiro para Ricardinho. O centroavante bateu forte, mas a bola passou rente ao travessão cearense.

Com o passar do tempo, o Ceará passou a pressionar o Tricolor, mas sem conseguir furar o bloqueio defensivo comandado por Pedro Geromel. Em um jogo marcado pelas faltas de chances de gols e muitas jogadas violentas, os donos da casa abriram o placar aos 37. Após uma saída de bola errada da defesa para o ataque, Cléber tabelou com Saulo Mineiro, recebeu de volta e chutou de fora da área, a bola bateu no pé de Ruan, que tirou Brenno da jogada, e foi parar no fundo da rede.

Um minuto depois, Saulo Mineiro recebeu passe dentro da área e ficou na frente de Brenno. O goleiro gremista fechou o ângulo, o adversário bateu e Brenno salvou com o pé. Mas, aos 42, Ruan tentou dar um balãozinho em Cléber no meio de campo, perdeu a bola e Saul Mineiro recuperou. O meia partiu em velocidade e lançou Rick. O atacante deu um drible em Vanderson dentro da área e chutou sem chances para Brenno. Ceará 2 a 0.

Seis minutos depois, Brenno fez a segunda defesa importante no jogo e impediu o terceiro gol do Ceará. Aos 50, o Grêmio descontou com um golaço de Vanderson. O lateral passou por três marcadores, com um espetacular drible, e acionou Matheus Henrique. O volante devolveu de primeira e o lateral bateu forte sem chances para João Ricardo.

Alterações fazem efeito

No intervalo, entraram Jean Pyerre, Cortez e Jhonata Robert para as saídas de Diogo Barbosa, Léo Pereira e Lucas Silva. Além das alterações na nominata da equipe, o Grêmio voltou em alta rotação. Após uma pressão inicial, a dois minutos, Cortez cruzou rasteiro pela esquerda, Ricardinho correu, se esticou, mas não conseguiu alcançar a bola na frente da meta do Ceará.

Um minuto depois, Vanderson entrou na frente de Cléber, roubou a bola rente a linha de fundo do campo defensivo e passou para Léo Chú. O atacante avançou em alta pela esquerda de ataque e cruzou. Ricardinho se jogou e marcou o gol de empate.

Aos 14, Brenno voltou a salvar o Grêmio. Rick recebeu cruzamento de Gabriel Lacerda na marca do pênalti, ajeitou e bateu. Brenno saltou para o lado esquerdo e fez a defesa, espalmando para o lado. Após esse lance, o Tricolor voltou a ter domínio das ações, mas só foi criar uma chance clara aos 28. Cortez cruzou, a defesa afastou mal e Ricardinho chutou. Vinícius com a ponta dos dedos desviou pela linha de fundo.

Cortez tentou passar por um jogador que estava caído dentro da área e caiu aos 38. Savio Pereira Sampaio marcou a penalidade, mas analisou o vídeo e anulou o lance. Onze minutos depois, o Ceará acertou o poste e, no rebote, em posição duvidosa, Jorginho chutou. A bola bateu na trave e foi parar no fundo das redes. Sampaio aguardou a análise do lance pelo VAR, mas confirmou o tento que decretou a vitória para os cearenses por 3 a 2.

Sem tempo para mais nada, o árbitro encerrou o jogo logo em seguida.

Campeonato Brasileiro – 1ª rodada

Ceará 3
João Ricardo (Vinícius); Buiú, Gabriel Lacerda, Messias, Kevyn; Pedro Naressi (Charles), Oliveira e Jorginho; Saulo Mineiro (Yony González), Cléber (João Victor) e Rick (Wendson). Técnico: Guto Ferreira

Grêmio 2
Brenno; Vanderson, Geromel, Ruan e Diogo Barbosa (Cortez); Thiago Santos, Matheus Henrique, Lucas Silva (Jean Pyerre), Léo Chu (Guilherme Azevedo) e Leo Pereira (Jhonata Robert); Ricardinho. Técnico: Evandro Fornari

Gols: Cléber (37min/1ºT), Rick (42min/1ºT) e Jorginho (49min/2°T) & Vanderson (50min/1ºT) e Ricardinho (3min/2ºT)
Cartões amarelos: Jhonata Robert, Thiago Santos e Geromel (G) e Messias, Buiú e Charles (C)
Cartões vermelhos: –

Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF)
Auxiliares: Daniel da Silva Andrade e José Nascimento Junior (ambos do DF)
Árbitro do VAR: Rodrigo Dalonso Ferreira (SC) e Ciro Chanban Junqueira (DF)

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)

 

Fonte: Correio do Povo