Geral

Sobe para 14 o número de municípios em situação de emergência devido à estiagem no RS

Quatorze municípios do Rio Grande do Sul decretaram situação de emergência devido à estiagem que atinge o Estado desde o final de 2019. Os dados constam em boletim da Defesa Civil divulgado nesta quarta-feira (8), mas o número ainda pode subir, pois algumas cidades avisaram o órgão que vão inserir o decreto no sistema nos próximos dias. 

As cidades que estão com decretos oficializados são Barão do Triunfo, Mariana Pimentel, Pantano Grande, Ponte Preta, Amaral Ferrador, Camaquã, Chuvisca, Cristal, Encruzilhada do Sul, Passo do Sobrado, Progresso, Santa Cruz do Sul, Sinimbu e Venâncio Aires. Além desses 14 municípios, outros 11 comunicaram a Defesa Civil que estão sofrendo com problemas e prejuízos, mas ainda não incluíram os dados no sistema. 

O secretário Estadual da Agricultura em exercício, Luiz Fernando Rodriguez Júnior, classificou, na segunda-feira (6), a estiagem como a mais grave desde a safra 2011-2012. Ele também anunciou a formação de um grupo para acompanhar os desdobramentos da seca. Dados consolidados devem ser apresentados até o fim da semana.  

A Associação dos Produtores de Soja do Estado também considera que a colheita recorde superior a 19 milhões de toneladas não irá se confirmar por causa da aridez do solo. 

 

Municípios com prejuízos, mas que não decretaram situação de emergência

Cerro Grande do Sul
Maquiné
Minas do Leão
Casca
Montauri
São Domingos do Sul
Boqueirão do Leão
Gramado Xavier
Mato Leitão
Vale do Sol
Vale Verde