Vilaflorense sagrou-se vice-campeão no XII Jogos Mundiais 2019 da Abadá-Capoeira

O vilaflorense Willian Rodigheri Longhi (Graduado Guepardo) sagrou-se vice-campeão mundial da Categoria D, peso Médio, nos Jogos Mundiais da Abadá-Capoeira.

O vilaflorense Willian Rodigheri Longhi (Graduado Guepardo) sagrou-se vice-campeão mundial da Categoria D, peso Médio, nos Jogos Mundiais da Abadá-Capoeira. A 12ª edição do campeonato ocorreu de 19 a 25 de agosto, no Rio de Janeiro. Na oportunidade ele recebeu também os títulos de Melhor Jogo de Benguela e Melhor Jogo de Iúna. Guepardo vem se destacando dentro do mundo da Capoeira, sendo também Campeão Brasileiro, Bicampeão Sul Brasileiro e Bicampeão Gaúcho.

A programação do Festival Internacional da Arte Capoeira, além da competição, contou com cursos de aperfeiçoamento técnico em Capoeira, cursos de manifestações culturais brasileiras, campanha de conscientização a preservação dos animais, vivências com mestres e inúmeras outras atividades. O evento trouxe ao Brasil cerca de 5 mil capoeiristas de mais de 50 países.

Atletas da região também se destacaram. O bentogonçalvense Luan Lucas de Barba (Instrutor Cordilheira) e o vacariense Ezequiel Camargo (Graduado Zica) se classificaram entre os 16 melhores capoeiristas de suas respectivas categorias, e Tales Zardo (Graduado Toretto), também de Bento Gonçalves, foi semifinalista da Categoria D – peso Gunga.

Para aqueles que desejam conhecer mais sobre a Arte-Capoeira, as aulas ocorrem em mais de 10 cidades da Serra Gaúcha, atendendo as mais variadas faixas etárias e gêneros. Mais informações através do telefone (54) 99161 5531, com Willian.