Viviane Mattiuz: “Somos tão passageiros que, não somos, estamos”

Jovem faleceu nesta tarde vítima de acidente de trânsito

“Somos tão passageiros que, não somos, estamos”, essa é a frase de perfil utilizada pela jovem Viviane Mattiuz em sua apresentação na rede social Facebook. A jovem de 21 anos faleceu na tarde desta segunda-feira, dia 25, num grave acidente de trânsito na BR 470, no trecho urbano próximo a empresa Oleoplan.

Pelas redes sociais, familiares e amigos deixam mensagens emocionantes, demonstrando o amor e carinho pela jovem.

Em outra postagem recente, na data de 12 de fevereiro deste ano, Viviane escreveu:

“Somos instantes… e por mais que desejemos acreditar que a vida é uma jornada longa, onde sempre haverá tempo de amar mais, nos entregar mais, resolver nossas pendências, conceder aquele perdão… esse momento não existirá em nenhum outro lugar senão no agora.

Somos amor, sonhos, conquistas. Somos medos, decepções, mágoas. Somos mistério, alegria, fantasia. Somos força e vulnerabilidade; solidão e multidão. Somos tudo e nada, grandiosidade e pequenez, busca e encontro.

Porém, acima de tudo, somos instantes…” — Fabíola Simões

O acidente

A motociclista Viviane Mattiuz, de 21 anos, morreu na tarde desta segunda-feira (25) após colidir com um caminhão no km 176 da BR-470, em Veranópolis.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o caminhão saía do acostamento para atravessar a pista e colidiu lateralmente com a moto. O acidente ocorreu por volta das 13h10min. 

Ela teve várias fraturas expostas e foi encaminhada ao Hospital São Pelegrino Lazziozi onde faleceu.

Viviane era estudante do curso de direito e deixa os pais, dois irmãos e o namorado.