Cambará do Sul amanhece com sensação térmica de -4,3°C: confira a previsão dos próximos dias

O frio intenso marcou a madrugada desta quinta-feira (17) nos municípios da Serra. Em Cambará do Sul, os termômetro marcaram 0,7°C, a

O frio intenso marcou a madrugada desta quinta-feira (17) nos municípios da Serra. Em Cambará do Sul, os termômetro marcaram 0,7°C, a menor temperatura de 2021 até o momento na cidade. A sensação térmica foi de -4,3°C, de acordo com a Somar Meteorologia. A menor temperatura do ano na região serrana foi registrada em 25 de maio, em Vacaria, quando os termômetros marcaram -1,5°C.

Em Caxias do Sul, o amanhecer desta quinta também foi gelado, com termômetros marcando entre  2°C e 3°C. Por volta da meia-noite, a estação meteorológica marcou 2°C na cidade. O dia, de acordo com a Somar, será marcado pela nebulosidade, sem a presença do sol, o que intensifica a sensação de frio. Não está descartada a possibilidade de chuvisco durante a tarde. 

A queda das temperaturas foi registrada ainda na tarde de quarta-feira (15) na maioria das cidades da Serra. A temperatura máxima em Cambará do Sul, por exemplo, foi de 9°C. A meteorologista Fabiene Casamento afirma que estava previsto até mesmo chuva congelada na Serra na quarta, porém a Somar não teve a confirmação do fenômeno. 

Ela ressalta ainda que o final de semana terá chuva na Serra. Para Caxias do Sul, a previsão é de nebulosidade e frio na sexta-feira (18), mas de temporal para o sábado (19):

— Um sistema de baixa pressão atmosférica que se forma no Paraguai irá avançar em direção ao Sul do Brasil. A mudança na direção dos ventos também vai favorecer a formação de muita instabilidade na Serra. A previsão é de temporais e chuva muito volumosa em Caxias do Sul.

No último dia do outono, domingo (20), o sistema de baixa pressão atmosférica irá se afastar da região, assim as instabilidades mais pesadas perdem força na maioria das áreas. No entanto, há risco de chuva na Serra.  O inverno começa oficialmente na próxima segunda-feira(21), às 0h32min, e, segundo a Somar, o frio intenso deve voltar a marcar presença na quarta-feira (23) na região.

Fonte: GZH