Entrevista com o candidato a prefeito de Fagundes Varela Dirceu Binda

Desde o dia 21 de outubro, O Estafeta está publicando série de entrevistas com os candidatos a Prefeito dos municípios da

Desde o dia 21 de outubro, O Estafeta está publicando série de entrevistas com os candidatos a Prefeito dos municípios da região, seguindo critério de ordem alfabética dos candidatos, sendo dois por edição. A seguir, você confere a entrevista completa com o candidato Dirceu Binda, do município de Fagundes Varela.

Olá amigo e amiga de Fagundes Varela, me chamo Dirceu Binda, candidato a Prefeito de Fagundes Varela. Fui empresário, vereador por 3 mandatos, hoje tenho um estabelecimento comercial que administro com minha família e sou o atual Vice-Prefeito de Fagundes Varela. Agora quero que vocês conheçam o meu parceiro Erasmo, que está comigo nessa campanha. Olá a todos, me chamo Erasmo Dalla Libera, sou candidato a Vice-Prefeito. Tenho 31 anos, sou advogado e trabalho com direito público e privado. Estou voltando para o município para devolver com trabalho tudo o que ele me proporcionou ao longo da vida.  

Defina política em uma palavra.

Democracia.

O que significa democracia para o senhor?

Democracia é o respeito as diferentes opiniões e pontos de vista. É oportunizar a escuta de todas as pessoas e proporcionar o diálogo para buscar possíveis soluções dos desafios da sociedade. É o governo do povo e para o povo, onde os cidadãos participam efetivamente das decisões para a construção de políticas públicas.

Por que você quer ser prefeito do seu município?

Porque eu acredito que Fagundes Varela possa continuar crescendo. O serviço público tem um papel importante de conseguir olhar a cidade como um todo e poder contribuir de diferentes formas na vida das pessoas. Quero trabalhar em prol do município e para o bem comum de todos os fagundenses. Governar a partir das necessidades e dos anseios da população. Quero estar perto das pessoas, buscando crescer juntos, investir nas pessoas e nos seus sonhos, quero continuar a disposição, ouvir e fazer, seguindo os valores do trabalho, transparência, responsabilidade, consistência, criatividade e planejamento. Quero trabalhar com o povo e para o povo.

No seu ponto de vista, qual é a principal prioridade do seu município e como atender essa demanda?

Não podemos generalizar e atentar para uma única prioridade. A complexidade da administração de um município exige um olhar dinâmico, que integre as diferentes áreas da administração pública. Mas podemos dizer que uma das principais prioridades é ter um olhar sistêmico, a clareza que um setor depende do outro para o bom gerenciamento do município. Também queremos um governo voltado para o povo, executando projetos em serviços essenciais tendo como base os três pilares: viabilidade financeira, planejamento estratégico e execução dos projetos. Queremos uma administração que conheça e compreenda as necessidades do povo fagundense, independente da área que for.

A maioria dos candidatos do município reside em outras cidades. Os senhores se comprometem em passar a residir em Fagundes Varela?

O Dirceu sempre residiu e reside na cidade, o Erasmo vai trabalhar aqui, morar aqui pelo menos 4 dias por semana e vai desempenhar suas funções como Vice-Prefeito. Vai ser um Vice atuante e ativo na comunidade, ele morou por um tempo fora, mas esteve presente na comunidade, pois toda semana estava em Fagundes Varela, terra natal onde tem seus pais e familiares.

Como o senhor irá montar a equipe de trabalho de sua gestão? Afinal, ela fará toda a diferença na execução de seus projetos. Se você é candidato a reeleição, manterá as mesmas pessoas?

Na gestão da máquina pública é essencial que a equipe seja técnica e que desempenhe suas funções de maneira a priorizar a eficiência, pois é o dinheiro do povo que paga a folha. Nesta linha, o gestor público deve sempre priorizar a escolha de pessoas que tenham competência e saibam humanizar o tratamento com o cidadão e cidadã. A escolha da equipe administrativa acontecerá priorizando a competência das pessoas para suas atribuições. A equipe será constituída por pessoas que além de um bom desenvolvimento profissional possam contribuir com os valores pessoais, que conheçam a realidade do município, que possam de fato colaborar para o aprimoramento e inovação de Fagundes Varela.

Todos esperamos pelo pós-pandemia e na recuperação de nossos municípios. Quais serão suas primeiras ações após assumir, para planejar a retomada de nossas atividades e da economia?

Vamos incentivar a economia com os programas já existentes e criar mecanismos para impulsionar a geração de renda e emprego, hoje o setor primário e a indústria são peças chave na impulsão da economia, juntamente com o comércio, nesta toada vamos maximizar programas como o Impulsão Agropecuária, Prodesi, dentre outros. O maior desafio do gestor público será a diminuição da arrecadação por parte do Estado, este ponto deve ser enfrentado e debatido para buscarmos a curto prazo minimizar o impacto da diminuição da arrecadação, cortar gastos e ampliar a arrecadação são fatores que devem ser avaliados nos próximos anos.

Como você avalia a obtenção de empréstimos/financiamentos por parte do Poder Púbico?

Empréstimos são uma ótima forma de fazer projetos de grande porte, eles devem ser estudados e planejados, mas um empréstimo/financiamento bem avaliado e planejado pode trazer inúmeras vantagens e grandes obras para o Município. Muitos municípios não planejam quando se trata de empréstimos e financiamentos e é nesse ponto que pecam, pois se realizados de maneira estratégica são de grande valia para a realização de grandes obras que trazem muitos benefícios para os munícipes.

Uma das demandas de Fagundes Varela é a linha de transporte intermunicipal a Veranópolis. Qual é a sua opinião sobre o tema?

Sabemos da importância e da necessidade do retorno da linha de transporte entre Fagundes Varela e Veranópolis. Inúmeros esforços já foram feitos nos últimos anos tanto pela atual gestão, quanto pelas anteriores, porém sem êxito, mas nós vamos continuar na luta, executando tratativas junto ao DAER e ao Governo Estadual, para que isso se efetive.  

Que projetos você tem para impulsionar a agricultura em nosso município? (8 linhas)

O carro chefe do nosso plano de governo será o Programa Impulsão Agropecuária II. Ele vai proporcionar que inúmeras culturas e muitos serviços que ainda não fazem parte do programa sejam comtemplados por ele. Hoje o Programa Impulsão Agropecuária é destaque estadual, tendo ganho vários prêmios, mas o primordial é que a população está sendo muito bem atendida. Por isso, vamos manter os auxílios do programa para as atividades de avicultura, suinocultura, bovinocultura de leite e corte, fruticultura, viticultura, sistematização de áreas para plantio, calcário, eletrificação rural, cursos de especialização para os produtores, transporte de produtores para feiras de Agronegócio e o bônus para produtores de pequeno e médio porte.

Espaço para você deixar as suas considerações finais.

Nos comprometemos em fazer o melhor para o nosso Município, nosso objetivo é o crescimento em todos os aspectos que contribuem para o desenvolvimento da comunidade fagundense, queremos uma cidade para todos construída por muitas mãos. Muito já foi construído, e nós respeitamos todas as histórias. Mudando o que for necessário e construindo ainda mais para nossa gente e com a nossa gente, é o que desejamos para os próximos 4 anos!  E por isso te convidamos para vir conosco, vir de 12, Dirceu e Erasmo!